Transparência Covid-19 - Clique Aqui!

Deusdedith de Paula dos Santos

Deusdedith de Paula dos Santos nasceu em Camanducaia a 08 de março de 1931, tendo falecido em 21 de agosto de 1972 devido a questões de saúde.

Deusdedith de Paula dos Santos

Deusdedith de Paula dos Santos

Deusdedith de Paula dos Santos nasceu em Camanducaia a 08 de março de 1931, tendo falecido em 21 de agosto de 1972 devido a questões de saúde. Foi comerciante e empresário, proprietário de um supermercado e de uma empresa transportadora. Uma das possíveis razões que o levaram ao envolvimento político era sua atitude compassiva com relação às pessoas, especialmente aquelas em situação de necessidade.

Candidatou-se às eleições de 1970 para o cargo de prefeito filiado ao MDB[1] (Movimento Democrático Brasileiro), acompanhado do senhor Domingos Froes como candidato a vice-prefeito. Venceram o pleito, assumindo o mandato de 1971 a 1974. Todavia, no final do primeiro ano de mandato, o senhor Deusdedith de Paula Santos precisou solicitar o afastamento do cargo, acometido por problemas de saúde e necessitando ser hospitalizado. Em meados de 1972, veio a falecer, vítima de complicações de seu quadro de saúde.

Desde seu afastamento no final de 1971, o senhor Domingos Froes assumiu interinamente a prefeitura de Camanducaia. Após o falecimento do senhor Deusdedith, tiveram início os trâmites para a diplomação do senhor Domingos Froes como prefeito efetivo, o que ao final de 1972.

Em seu breve período de governo, o senhor Deusdedith deixou como legado uma visão diferente dos prefeitos anteriores. Regularizou a situação dos funcionários e incentivou a qualificação da mão-de-obra, realizou compra de maquinário e caminhão para manutenção de estradas rurais, além de ter sido o responsável pelo projeto e construção de um matadouro municipal, tendo falecido antes de sua inauguração.

Texto redigido pela historiadora Débora Viveiros, com base na entrevista realizada online com a senhora Edna, filha do senhor Deusdedith.

 

[1] O MDB foi um partido criado em 1966 que reunia a chamada “oposição tolerável” ao regime militar vigente. Foi extinto em 1979, após o fim do sistema bipartidário, sendo sucedido pelo então PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro).

Uma plataforma para você gerenciar o site da sua prefeitura.